Saúde


Coronavírus: MP recomenda suspensão de atividades no Complexo Turístico de Xingó


Publicado 18 de março de 2020 às 18:00     Por Redação AjuNews     Foto Ascom / Sedurbs

O Ministério Público de Sergipe fez uma recomendação de suspensão das atividades do Complexo Turístico de Xingó, nesta quarta-feira (18). A medida é uma ação preventiva no sentido de conter o avanço do novo coronavírus (covid-19).

Com isso, o Complexo Turístico de Xingó e o Restaurante Karrancas devem suspender as atividades, principalmente os passeios aos cânions do Rio São Francisco, por um período de 15 dias. O descumprimento da recomendação por parte dos responsáveis pelo Complexo pode desencadear outras medidas, a exemplo de ações judiciais.

Recentemente o governador Belivaldo Chagas decretou situação de emergência em saúde pública por causa da pandemia provocada pelo novo coronavírus. Uma das medidas que foram adotadas é que se evite aglomerações de até 100 pessoas em ambientes abertos e 50 em ambientes fechados. Por este motivo, é fundamental conter o fluxo de pessoas no Complexo Turístico de Xingó, que recebe diariamente turistas vindos de várias localidades.



Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Leia os termos de uso


Ao clicar no botão “Aceitar” ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.