Polícia


Homem atropela e mata oficial de Justiça que pedalava no bairro Aruana


Publicado 21 de julho de 2020 às 07:38     Por Peu Moraes     Foto Reprodução

O advogado e oficial de Justiça do Tribunal Regional do Trabalho (TRT20), em Sergipe, André Rodrigues Espínola, 45 anos, morreu após ser atropelado na região do Banho Doce, na Avenida Inácio Barbosa, no bairro Aruana, Zona Sul da capital sergipana, nesta segunda-feira (20). André pedalava no local quando foi atropelado pelo motorista Mário Chiacchiaretta Neto, que estava embriagado, conforme teste do etilômetro, foi preso pela equipe do Batalhão de Policiamento Turístico (BPTur) e autuado em flagrante por homicídio doloso.

Segundo informações do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), a vítima não resistiu aos ferimentos no trajeto para o hospital. Segundo testemunhas, André teve fratura exposta nas pernas e teve duas paradas cardíacas. André Rodrigues Espínola era técnico do Tribunal Regional do Trabalho, casado e deixa dois filhos menores.

O motorista que ocasionou o acidente foi preso em flagrante. Uma equipe do Batalhão de Policiamento de Turismo (BPTUR) chegou ao local e acionou a Companhia de Policiamento de Trânsito (CPTran) para o registro do acidente. Após o teste do etilômetro (bafômetro), foi constatada a presença de 0.43 mg de álcool por ar expelido dos pulmões, qualificando a embriaguez. O resultado está acima do limite para o flagrante é com 0.33 mg/l.

André Rodrigues trabalhava, atualmente, como oficial de justiça do TRT20 e já atuou como escrivão da Polícia Civil de Sergipe. Ele deixa viúva e dois filhos. O velório acontece no cemitério Colina da Saudade, na Jabotiana, e o sepultamento será às 16h no mesmo local.

O Sindicato dos Oficiais de Justiça do Distrito Federal (Sindojus-DF) emitiu nota lamentando a morte de André Espínola e se solidarizando com a família e amigos. “A Diretoria do SINDOJUS/DF se solidariza com a família e os amigos e manifesta os mais sinceros votos de condolência. Que Deus conforte a família e conceda o descanso eterno para o colega. O nosso sindicato fica à disposição para qualquer coisa que seja necessária nesse momento tão difícil e doloroso! André Espínola era um Oficial de Justiça muito atuante e sua partida prematura causa também grande tristeza entre os colegas”, diz o trecho da nota.



Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Leia os termos de uso


Publicidade
Justiça

Rachel Sheherazade pede R$ 19 milhões em indenização trabalhista ao SBT, diz site

Justiça
Mais Lidas
Publicidade