Mundo


Rússia declara cessar-fogo parcial para fuga de ucranianos


Publicado 05 de março de 2022 às 11:40     Por Fernanda Souto     Foto Reprodução/ Twitter

A Rússia declarou cessar-fogo parcial no décimo dia da invasão na Ucrânia, neste sábado (5). De acordo com o Ministério da Defesa russo, os ataques diminuirão para possibilitar os corredores humanitários, que permitem a fuga da população civil ucraniana. Mais de 200 mil pessoas devem deixar o país.

Segundo o órgão, a primeira região com caminho liberado será a cidade portuária de Mariupol, que já se encontrava sem água, luz e comida para os moradores. Volnovakha também terá uma trégua no mesmo horário. “Hoje, 5 de março, a partir das 10h, horário de Moscou, o lado russo declara regime de silêncio e abre corredores humanitários para a saída de civis de Mariupol e Volnovakha”, informou.

A medida foi negociada entre os dois países nas últimas reuniões de mediação do conflito, no Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU). Os moradores terão cinco horas para deixar as cidades, segundo a agência russa de notícias, RIA.

Leia mais:
ONU pede que países ajudem vítimas da guerra na Ucrânia



Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Leia os termos de uso


Publicidade
Justiça

Candidato a vice-governador na chapa de Rogério Carvalho aponta perseguição política em pedido de prisão

Justiça
Mais Lidas


Ao clicar no botão “Aceitar” ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.