Polícia


Homem é preso por agredir, ameaçar e manter mulher em cárcere privado na Barra dos Coqueiros


Publicado 28 de junho de 2022 às 14:25     Por Redação AjuNews     Foto Divulgação / PM-SE

Um homem foi preso suspeito de agredir, ameaçar e manter a própria companheira em cárcere privado no Bairro Atalaia Nova, na Barra dos Coqueiros, Região da Grande Aracaju, nesta segunda-feira (27). De acordo com a Polícia Militar (PM-SE), a equipe foi acionada para averiguar a informação de que uma mulher havia sido ameaçada e proibida de sair da casa de seu atual companheiro. Segundo os policiais, a vítima aproveitou que o agressor saiu da residência e denunciou o cárcere privado que já durava três dias.

Os policiais se deslocaram para o local e encontraram a vítima próximo a uma janela. A mulher pedia por socorro e afirmava que temia pela sua vida e da sua filha. Em seguida, os militares entraram na casa e localizaram o suspeito de manter a companheira em cárcere privado. Ele negou qualquer tipo de cárcere, mas admitiu as ameaças, conforme informou a equipe policial.

A vítima, por outro lado, disse aos policiais que convivia a pouco mais de dois meses com o denunciado, mas que resolveu retornar para a casa de sua mãe na noite da quinta-feira (23). Neste momento, o suspeito ficou revoltado com a decisão e passou a fazer ameaça-la com uma faca e agredi-la com socos e chutes, de acordo com a PM-SE. Ainda insatisfeito com a situação, ele trancou as portas e proibiu a companheira de sair da casa.

Diante das evidências, os envolvidos foram encaminhados à Delegacia de Atendimento à Grupo Vulneráveis (DAGV), onde foram tomadas as medidas legais.



Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Leia os termos de uso


Publicidade
Justiça

Candidato a vice-governador na chapa de Rogério Carvalho aponta perseguição política em pedido de prisão

Justiça
Mais Lidas


Ao clicar no botão “Aceitar” ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.