Política


Possível aliança pode mudar cenário nas eleições em Nossa Senhora das Dores


Publicado 17 de junho de 2020 às 18:23     Por Peu Moraes     Foto Reprodução / Google Street View

Presentes em palanques distintos no município de Nossa Senhora das Dores, no Médio Sertão Sergipano, o prefeito Thiago de Souza Santos (PSD), mais conhecido como Dr. Thiago, deve se unir ao ex-gestor da cidade, João Marcelo (PTC). Segundo apurado pelo AjuNews, a união de dois sólidos grupos políticos do município pode trazer uma eleição mais tranquila para Dr. Thiago.

A reportagem, João Marcelo afirmou que não vai disputar o pleito deste ano porque acredita que vai assumir uma cadeira na Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese) em 2021. Ainda segundo Marcelo, seu agrupamento deve indicar o nome do vice na chapa liderada por Dr. Thiago. “Tendo em vista que vou ocupar uma vaga na Alese por ser suplente de dois deputados estaduais com chances de vitória nas eleições deste ano, o agrupamento optou pela indicação do possível vice na chapa de Dr.Thiago”, disse.

João Marcelo é suplente dos deputados estaduais Dr. Samuel Carvalho e Dilson de Agripino, ambos Cidadania. Thiago está em seu primeiro mandato como prefeito. De acordo com informações obtidas pela reportagem, pesquisas de consumo interno apontam que essa união levaria Tiago para uma reeleição mais tranquila.

Vale frisar, que caminhando na tangente, o atual vereador Isaac Medeiros (PSL), mais bem votado na cidade por três eleições seguidas, vem fazendo o dever de casa certinho. Sem olhar para os lados e de porta em porta, é possível que ele possa ser o verdadeiro algoz da chapa de oposição, encabeçada por Mario da Clínica (Cidadania).

Thiago é filho do médico e ex-candidato a prefeito no município, Gilberto Santos, que tentou assumir o posto no Executivo Municipal nas eleições de 2012, pelo PT.



Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Leia os termos de uso


Publicidade
Justiça

Justiça nega recurso de Danielle em ação por danos morais de Edvaldo

Justiça
Mais Lidas


Ao clicar no botão “Aceitar” ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.