Saúde


Campanha de vacinação contra influenza encerra nesta sexta (24) em Sergipe


Publicado 21 de junho de 2022 às 17:00     Por Fernanda Souto     Foto Divulgação/ Governo de Sergipe

A vacinação contra a Influenza encerra na próxima sexta-feira (24) em Sergipe. A campanha deveria ter sido encerrada no dia 3 de junho, mas foi prorrogada devido à baixa adesão da população. A Secretaria de Estada da Saúde (SES) reforça a importância da imunização e orienta o público-alvo que ainda não se vacinou a procurar uma Unidade Básica de Saúde (UBS) antes do fim do prazo.

“Nesse período de inverno, temos temperaturas mais baixas e menor incidência da luz solar em nosso território, mais chuvas. Com isso, os vírus respiratórios sobrevivem por mais tempo na superfície, aumentando a transmissão entre as pessoas através das mãos, ao tocarmos locais contaminados. Além disso, a gente mantém o ambiente mais fechado, aumentando o contato entre as pessoas. É importante saber disso para redobrar os cuidados nesse período, higienizando sempre as mãos , usando máscara, ou não circular se estiver com sintomas gripais”, explicou o diretor de Vigilância em Saúde da Secretaria de Estado da Saúde, Marco Aurélio.

Até esta segunda (20), foram aplicadas 308.744 doses de vacinas, o equivalente a 58,5% do público-alvo. Segundo a SES, o objetivo era atingir 90% de cobertura vacinal.

Ainda de acordo com os dados da pasta, o percentual de crianças vacinadas é de 45,1%; o de gestantes teve cobertura de 38%; o percentual de puérperas vacinadas foi de 33,3%; idosos de 60 anos e mais foi de 67,66%; trabalhadores da saúde 64,5%; povos indígenas com 102,78% e professores, 51,6%.

Podem se vacinar contra a Influenza: crianças de 6 meses a menores de 5 anos de idade (4 anos, 11 meses e 29 dias); gestantes e puérperas; povos indígenas; professores; pessoas com comorbidades; pessoas com deficiência permanente; forças de segurança e salvamento e Forças Armadas; caminhoneiros e trabalhadores de transporte coletivo rodoviário de passageiros urbano e de longo curso; trabalhadores portuários; funcionários do sistema prisional; adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas; população privada de liberdade.

 



Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Leia os termos de uso


Publicidade
Justiça

Justiça nega recurso de Danielle em ação por danos morais de Edvaldo

Justiça
Mais Lidas


Ao clicar no botão “Aceitar” ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.