Saúde


Edvaldo envia ofício ao Ministério da Saúde solicitando mais de 11 mil novas doses da Coronavac


Publicado 27 de abril de 2021 às 15:00     Por Fernanda Sales     Foto Ana Lícia Menezes / Prefeitura de Aracaju

O prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira, enviou ofício ao ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, nesta terça-feira (27), para solicitar o envio de doses da vacina Coronavac. Devido a demora no envio do imunizante pelo Ministério, a aplicação da segunda dose na capital sergipana está atrasada.

No documento, Edvaldo informa a “necessidade urgente de envio de 11.893 doses da Coronavac para uso como segunda dose” nas pessoas que completarão o prazo de 28 dias para recebimento da vacina de reforço.

O prefeito também detalha a utilização das 48.020 doses de Coronavac, para primeira aplicação, recebidas pela Prefeitura de Aracaju até o momento, ressaltando ainda que, atendendo a recomendação do Ministério da Saúde, a Secretaria Municipal da Saúde utilizou as segundas doses como primeira dose como parte da “estratégia de ampliação da imunização”.

Além disso, o gestor municipal disse que “a capital também passou a fazer o aproveitamento das sobras de D2 como D1 nos grupos prioritários”. “Todas estas estratégias foram realizadas confiantes de que viessem mais doses de Coronavac para a referida reposição, o que não vem ocorrendo há duas semanas”, disse. Na conclusão do documento, o prefeito de Aracaju diz esperar contar com “gesto de colaboração” do Ministério da Saúde.

Falta de doses
O envio do ofício ao Ministério da Saúde ocorre após a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) divulgar nota explicando a situação da falta das segundas doses de Coronavac, em decorrência do não cumprimento do cronograma estabelecido pelo órgão federal junto aos municípios brasileiros.

Vacinação em Aracaju
Até esta segunda-feira (26), foram vacinados 109.107 aracajuanos, o que equivale a 16,40% da população da capital sergipana. Desse total, 35.520 receberam a segunda dose da vacina.

Leia mais:
Aracaju tem calendário de vacinação atrasado após Ministério atrasar entrega das doses



Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Leia os termos de uso


Publicidade
Justiça

Justiça determina que empresas de ônibus limitem número de passageiros em Aracaju

Justiça
Mais Lidas
Publicidade