Política


TSE torna Valmir de Francisquinho inelegível por oito anos


Publicado 23 de junho de 2022 às 12:41     Por Peu Moraes     Foto Acervo / AjuNews

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) seguiu entendimento do Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe (TRE-SE) e tornou o pré-candidato ao governo de Sergipe, Valmir de Francisquinho (PL) inelegível por oito anos. O julgamento de Francisquinho aconteceu, nesta quinta-feira (23), em Brasília.

Valmir e seu filho, o deputado estadual Talysson de Valmir (PL) foram condenados por abuso de poder econômico. O ministro Carlos Horbach, que havia pedido vistas, votou favorável ao ex-prefeito de Itabaiana, juntos os magistrados Alexandre de Moraes e Benedito Gonçalves.

O relator do processo, Sérgio Silveira Banhos votou pela inelegibilidade, acompanhando de Nunes Marques e Mauro Campbell Marques, além do presidente da Corte, ministro Luiz Edson Fachin.



Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Leia os termos de uso


Publicidade
Justiça

STJ confirma exigência de exame toxicológico para renovação de CNH

Justiça
Mais Lidas


Ao clicar no botão “Aceitar” ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.