Entretenimento


De R$ 120 a R$ 890, Carnaval de Salvador tem blocos para todos os bolsos; veja lista


Publicado 14 de fevereiro de 2020 às 16:05     Por Diego Vieira     Foto Vagner Souza / BNews

Entre 20 e 25 de fevereiro, os circuitos do Carnaval de Salvador serão tomados por foliões, camarotes, blocos e trios elétricos. Seja no Campo Grande ou no Barra-Ondina, não faltam alternativas para curtir os seis dias oficiais da festa. Por falar nisso, quem não quiser ficar na pipoca e optar por pular dentro das cordas, ainda dá tempo de adquirir os abadás. Pensando nisso, o BNews fez um levantamento dos valores cobrados pelos principais blocos que desfilam na folia.

Com opções para todos os gostos e bolsos, alguns chegam a custar quase R$ 900. É o caso do Camaleão, que desfila com Bell Marques. Quem pretende curtir a festa atrás do trio do cantor terá que desembolsar nada mais do que R$ 890, na segunda e na terça. O valor é o mesmo cobrado para sair no sábado no Vumbora, também puxado por Bell. Já quem escolher o bloco na sexta de Carnaval paga um pouco menos, R$ 650.

 

 

Puxado por Durval Lélys, o Me Abraça ocupa a segunda colocação dos preços mais ‘salgados’: R$ 800 na segunda e R$ 700 no domingo. Logo em seguida, a aparece o bloco Coruja, comandado por Ivete Sangalo. Para curtir a segunda da folia com a cantora terá que pagar R$ 790. No sábado e domingo o valor cai para R$ 730. O Largadinho de Claudia Leitte aparece na sequência. O bloco que desfila na terça de Carnaval custa R$ 600. Os foliões que pretendem sair com Claudinha no Blow Out, na sexta, precisam pagar R$ 550.

 

 

Para quem quiser curtir o domingo da folia no Crocodilo com Daniela Mercury terá que desembolsar R$ 500. Na segunda-feira, o valor do bloco cai para R$ 300. Já para curtir o som dos tambores do Olodum dentro das cordas, é necessário investir R$ 400 no domingo e R$ 350 na sexta. O último, é o mesmo valor cobrado pelo sábado no EVA. Na sexta, o bloco comandado por Felipe Pezzoni cobra R$ 220, mesmo valor cobrado pelos blocos Timbalada, Praieiro, da banda Jammil, e a segunda-feira do Meu e Seu do Harmonia do Samba. Quem optar por curtir o domingo ao som de Xanddy terá que investir R$ 240.

 

Já os foliões do Nana, puxado por Léo Santana, terão que pagar R$ 350 no sábado e R$ 290 na sexta. O Voa-Voa, da banda Chicele com Banana, sai por R$ 280, enquanto o Vumbora Day, liderado pela dupla Rafa e Pipo Marques, e o Vale, de Alinne Rosa, custam R$ 250.Em contrapartida, é possível curtir a folia pagando menos de R$ 200. É o caso do ‘Vem Sambar’ que custa R$ 120. O bloco desfila no sábado no circuito Osmar com o cantor Tiee. O estreante Uau, da banda Babado Novo, sai na segunda-feira no circuito Dodô por R$ 150.

Outra opção para quem não pretende gastar muito são os abadás Amor e Paixão, puxado por Nelson Rufino, Batifun, Fora da Mídia e Dudu Nobre, que saem por R$ 160. O folião que preferir pular no Pagode Total com É o Tchan terá que investir R$ 170. Pagando R$ 10 a mais é possível sair na sexta-feira no bloco Cheiro. Já o Alvorada e o DD no Comando, de Denny Denan, custam R$ 190 cada.

Veja lista:

Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Leia os termos de uso