Polícia


‘Alguns delegados do Estado estão tentando mudar a pauta de periculosidade’, afirma presidente da Assomise


Publicado 24 de novembro de 2021 às 19:50     Por Fernanda Souto     Foto Divulgação/ Depol

O presidente da Associação dos Oficiais Militares de Sergipe (Assomise), Coronel Adriano Reis, afirmou, nesta quarta-feira (24), que alguns delegados do Estado estão tentando mudar a pauta de periculosidade, cobrada pela categoria. Segundo ele, os policiais querem excluir os colegas aposentados e reformados do direito cobrado.

O coronel criticou a atitude e afirmou que todos da categoria devem cumprir com o seu dever perante a lei e honrar suas atribuições à frente da segurança pública no Estado. Segundo ele, é preciso que a periculosidade seja a pauta primordial nas discussões para que a corporação das Polícias e Bombeiros Militares e Civis sigam exercendo sua profissão com respeito e dignidade. “É disso que nós precisamos”, frisou.

O Movimento Polícia Unida é formado por nove entidades sindicais e representativas: Associação dos Delegados de Polícia do Estado de Sergipe (Adepol/SE); Sindicato dos Policiais Civis do Estado de Sergipe (Sinpol/SE); Associação Militar Única; Associação dos Praças Policiais e Bombeiros Militares do Estado de Sergipe (Aspra); Associação dos Oficiais Militares de Sergipe (Assomise); Associação Integrada de Mulheres da Segurança Pública em Sergipe (Asimusep); Associação dos Militares do Estado de Sergipe (Amese); Associação dos Militares da Reserva Remunerada e Pensionistas do Estado de Sergipe (Asmirp/SE); e Associação de Cabos e Soldados da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros (ACS-SE).

A categoria cobra atenção da sociedade e sensibilidade do governo do Estado para que sejam iniciadas as negociações em prol do adicional de periculosidade.



Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Leia os termos de uso


Ao clicar no botão “Aceitar” ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.