Política


PSOL deve anunciar nome para governo de Sergipe e descarta aliança com PT de Rogério Carvalho


Publicado 14 de maio de 2022 às 09:02     Por Dhenef Andrade     Foto Reprodução / Instagram

Os caminhos do PSOL e PT em Sergipe, antes próximos, não convergem para a aliança feita a nível nacional com Guilherme Boulos e Lula. A direção estadual do partido socialista divulgou nota, nesta sexta-feira (13), em que comunica que lançará seu pré-candidato ao governo ainda este mês.

Com as especulações crescentes de que Valadares Filho (PSB) será o nome para o Senado do pré-candidato à sucessão de Belivaldo Chagas (PSD) e do empresário Marcos Franco (MDB) como pré-candidato a vice, a permanência do PSOL na aliança é insustentável.

O partido tem como pré-candidato ao Senado o ex-presidente da OAB-SE, Henri Clay, que é tratado como a prioridade nacional do partido. Já para a pré-candidatura ao Governo, são cotados nomes como Mário Leony, delegado de Polícia Civil; José Alvino, professor e advogado; Izadora Brito, advogada e integrante do MTST; Sérgio Barreto, defensor público e presidente do Psol Sergipe; Igor Baima, sindicalista; Marcos Póvoas, professor e procurador do Estado; e Jossimário Mick, servidor público.

A aproximação PT e PSOL em prol de um frente de esquerda não era consolidada e uma candidatura própria do partido de Linda Brasil nunca foi descartada.

Leia mais
PSOL define frente de esquerda com PT e Henri Clay para Senado



Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Leia os termos de uso


Publicidade
Justiça

Presos são premiados no 6° Concurso de Redação da Defensoria Pública da União (DPU)

Justiça
Mais Lidas


Ao clicar no botão “Aceitar” ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.