Economia


Banese rebate sindicato e afirma que não fechará agências


Publicado 13 de fevereiro de 2020 às 13:03     Por Peu Moraes     Foto Reprodução / Google Street View

Em contato com o AjuNews, na manhã desta quinta-feira (13), a assessoria do Banco do Estado de Sergipe (Banese), informou que não fechará nenhuma agência no estado. Segundo o banco, será feita uma restruturação para “melhorar o atendimento”.

“A partir do dia 13 de março, o banco realizará uma reestruturação de algumas unidades, transformando-as em Escritórios de Negócios, visando melhorar o atendimento, a experiência do cliente e a eficiência da instituição”, diz trecho da nota enviada à reportagem.

Leia a íntegra o comunicado Banese:

Na contramão do que grandes bancos já anunciaram que farão até o final de 2020, o Banco do Estado de Sergipe (Banese) informa que não fechará nenhuma agência bancária no interior do Estado e nem demitirá nenhum funcionário. A partir do dia 13 de março, o banco realizará uma reestruturação de algumas unidades, transformando-as em Escritórios de Negócios, visando melhorar o atendimento, a experiência do cliente e a eficiência da instituição. Neste novo modelo, o atendimento aos clientes do BANESE não será prejudicado, pois as operações de negócios continuarão sendo realizadas na própria unidade e as transações de caixa poderão ser realizadas através dos Correspondentes Bancários, Caixas Eletrônicos, Aplicativo BANESE e Internet Banking, que hoje já representam mais de 97% do total das transações do banco. Por fim, o Banese reforça que continuará presente nos municípios sergipanos, investindo cada vez mais em tecnologia e qualidade, buscando cumprir a sua missão de simplificar a vida dos seus clientes através de soluções financeiras inovadoras.

Banese

Leia mais
Banese pode encerrar atividades em 17 agências em Sergipe; sindicalistas protestam



Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Leia os termos de uso


Publicidade
Justiça

‘Se Danielle Garcia veste a carapuça da corrupção, não é um problema meu’, diz Rodrigo Valadares após decisão judicial

Justiça
Mais Lidas
Publicidade