Política


Cristiano Cavalcante e Silvany Mamlak negam movimentações para manter César Mandarino na Codevasf


Publicado 23 de fevereiro de 2021 às 21:36     Por Peu Moraes     Foto Arquivo pessoal

O ex-prefeito de Ilha das Flores e presidente da Federação dos Municípios do Estado de Sergipe (FAMES), Cristiano Cavalcante (PSL) e a prefeita de Capela, Silvany Mamlak (PSC), negaram que estejam agindo para manter César Mandarino, na superintendência da Companhia De Desenvolvimento Do Vale São Francisco (Codevasf), em Sergipe.

“A FAMES é uma entidade apartidária e que não se envolve nos transmites de nomeações, indicações ou exonerações. Como pessoa física e presidente da Fames afirmo meu apoio a indicação da senadora Maria do Carmo. É mentirosa quaisquer informações contrárias”, disse ao AjuNews, nesta terça-feira (23).

O entendimento foi seguido por sua esposa e prefeita de Capela, Silvany Mamlak, que ressaltou apoio irrestrito ao possível nome indicado pela senadora Maria do Carmo (DEM). “Como gestora de Capela apoio a indicação da senadora, pois acredito no senso e escolha de dona Maria, pois é uma parlamentar com grande atuação na defesa de Sergipe, em Brasília. Toda informação diferente dessa é mentirosa e quer enganar a população”, afirmou.

Os posicionamentos foram feitos após circular nos bastidores da política sergipana que os prefeitos do Vale do São Francisco estariam peitando a senadora Maria do Carmo na tentativa de manter César Mandarino na superintendente da (Codevasf).

Leia mais:
Prefeitos do Vale do São Francisco peitam Maria do Carmo para manter César Mandarino na Codevasf, diz jornal



Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Leia os termos de uso


Publicidade
Justiça

PGR entra com ações para barrar reeleições em assembleias legislativas

Justiça
Mais Lidas
Publicidade