Política


Belivaldo se reúne com Anvisa para discutir autorização da vacina russa Sputink V nesta terça-feira (6)


Publicado 06 de abril de 2021 às 08:15     Por Fernanda Sales     Foto Mário Sousa / Governo de Sergipe

O governador de Sergipe, Belivaldo Chagas (PSD), e mais dez governadores do país, irão se reunir na tarde desta terça-feira (6), a partir das 15h30, com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para discutir sobre os problemas que estão impedindo a autorização do uso emergencial da vacina russa contra a covid-19, a Sputnik V, no Brasil.

Os governadores que têm interesse em comprar o imunizante russo foram convocados pela Anvisa. Além de Belivaldo, devem participar da reunião os governadores do Acre, Bahia, Rio Grande do Norte, Maranhão, Mato Grosso, Piauí, Ceará, Pernambuco, Pará e Rondônia.

No último dia 19, Belivaldo assinou contrato para a compra de 400 mil doses da vacina russa Sputnik V. A compra foi comunicada ao Ministério da Saúde, que decidirá se aceita ou não incorporar as 400 mil doses da vacina ao Plano Nacional de Imunização (PNI). O objetivo do governador é aumentar a vacinação aos grupos prioritários.

De acordo com o jornal Valor Econômico, com essa reunião, a Agência pretende que, em vez de pressioná-la, os 11 governadores tentem que a empresa União Química, representante do laboratório Gamaleya no Brasil, agilize o fornecimento das informações técnicas necessárias à autorização solicitada pela representante da empresa russa. Ainda segundo a reportagem, sem as informações, é impossível liberar o imunizante para uso emergencial no país.

Leia mais:
Belivaldo Chagas tem pretensão de comprar mais doses da Sputnik V
Sergipe fecha acordo para compra de 400 mil doses da vacina Sputnik V
Alese aprova PL que permite Sergipe comprar individualmente vacinas contra covid-19
Consórcio Nordeste anuncia acordo para compra de 39 milhões de doses da vacina Sputnik V



Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Leia os termos de uso


Publicidade
Justiça

Justiça determina que empresas de ônibus limitem número de passageiros em Aracaju

Justiça
Mais Lidas
Publicidade