Famosos


Terceiro eliminado do BBB21, Nego Di bate recorde de rejeição na história do reality


Publicado 17 de fevereiro de 2021 às 08:17     Por Redação AjuNews     Foto Reprodução / TV Globo

O humorista Nego Di foi o terceiro eliminado do Big Brother Brasil (BBB 21), nesta terça-feira (17). Com 98,76% dos votos, o gaúcho bateu o recorde de rejeição da história do programa. Nego estava no paredão contra Sarah e Fiuk.

Nego Di chegou no Paredão após receber o contragolpe de Sarah, indicada pela Líder da Semana, Karol Conká, um de suas principais aliadas no programa. Sua passagem pela casa mais vigiada do Brasil foi marcada por suas falas polêmicas. O tratamento com o colega de confinamento, Lucas Penteado, foi o primeiro, de muitos motivos que pesaram na decisão popular. Primeiro, acusou o ator de “defender vagabundo”, em referência a uma ocupação escolar feita pelo ex-Malhação. Depois, vetou Lucas em uma Prova Líder, com o poder que conquistou com a ajuda do ator.

Além disso, a aliança do humorista dentro do reality com Karol Conká, Projota e Pocah, também influenciou na sua eliminação. Nego Di ainda levantou um debate sobre colorismo ao questionar a etnia de Gilberto, insinuou que se masturbaria se deitasse próximo a Carla Diaz e também recebeu denúncia por intolerância religiosa.

O agora ex-BBB, também chegou a acusar o ex-participante Arcrebiano, chamado de Bill, de que ele teria se aproximado de Karol Conká por ser gigolô.

Leia mais:
Deputado denuncia Nego Di, Karol Conká e Lumena ao MP por debocharem religião de Lucas Penteado no BBB
Após sair do BBB, Lucas diz que Nego Di é o vilão do reality: “Oportunista assustador”



Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Leia os termos de uso


Publicidade
Justiça

Rachel Sheherazade pede R$ 19 milhões em indenização trabalhista ao SBT, diz site

Justiça
Mais Lidas
Publicidade