Saúde


Menina atingida por coqueiro morre após quase um mês internada no Huse


Publicado 13 de maio de 2022 às 15:19     Por Redação AjuNews     Foto Valter Sobrinho / SES / Divulgação / Arquivo

A menina Maysa Neres dos Santos, 7 anos, que foi atingida por um coqueiro no Povoado Brasília, em Lagarto, morreu na manhã desta sexta-feira (13), no Hospital de Urgências de Sergipe Governador João Alves Filho (Huse), em Aracaju. Segundo a nota divulgada ao AjuNews pela unidade hospitalar, a menina morreu “em decorrência de politraumatismo e traumatismo craniano grave, que levou à interrupção completa das funções vitais às 10h25”.

Entenda o caso
O acidente com a criança aconteceu no dia 16 de abril após ser atingida por um coqueiro, no Povoado Brasília, no município de Lagarto. No acidente, outra mulher ficou ferida e uma mulher acabou morrendo. A informação foi confirmada pela Polícia Militar.

De acordo com a PM, as mulheres e a criança passavam por uma estrada de terra, quando o coqueiro caiu. No momento, ventava bastante na região.

Após o acidente, o pai da criança fez um vídeo, divulgado nas redes socais, apelando para que a sua filha fosse transferida para a UTI.

De acordo com um dos boletins médicos do Huse, a vítima teve traumatismo cranioencefálico grave e fratura de fêmur direito. Ela chegou a fica intubada e em coma.

Leia mais:
Menina atingida por coqueiro continua intubada em estado grave no Huse
Estado de saúde da criança atingida por coqueiro em Lagarto é “gravíssimo”, afirma Huse



Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Leia os termos de uso


Publicidade
Justiça

Presos são premiados no 6° Concurso de Redação da Defensoria Pública da União (DPU)

Justiça
Mais Lidas


Ao clicar no botão “Aceitar” ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.