Coronavírus


Covid-19: Ocupação de UTIs volta a subir na rede pública de Sergipe com taxa de 97,4%


Publicado 11 de maio de 2021 às 15:40     Por Fernanda Souto     Foto Divulgação/ Governo de Sergipe

A taxa de ocupação de leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTIs), exclusivos para pacientes com covid-19, voltou a subir na rede de saúde pública de Sergipe. Segundo dados da Secretaria de Estado da Saúde (SES), o índice registrado foi de 97,4%. Apenas seis vagas estão disponíveis e 28 pacientes aguardam na fila de espera para internação.

Os hospitais públicos com maiores taxas são: Hospital de Urgência de Sergipe-Governador João Alves Filho, Hospital Nossa Senhora da Conceição, Hospital do Coração, Maternidade Nossa Senhora de Lourdes, Hospital Renascença, Hospital Universitário de Aracaju, Hospital de Cirurgia-SUS, Hospital Amparo de Maria, e Hospital da Polícia Militar (100%).

Na enfermaria, são 236 pacientes internados (67%). Já na rede particular, a taxa de ocupação subiu para 84,9% nas UTIs e caiu para 93,3% nas enfermarias. Segundo a SES, nenhuma pessoa está à espera de vaga em hospitais particulares.

Os hospitais privados com maiores taxas de ocupação são: Hospital Cirurgia-IPES (110%); Hospital São Lucas-Adulto (94%); Hospital Primavera (92%); Hospital e Maternidade Santa Helena (83,3%); e Hospital Gabriel Soares-Adulto (80%).

No estado, 461 pessoas estão internadas na rede pública, e 353 na rede particular. Até esta segunda (10), 211.868 pessoas já testaram positivo para a covid-19 e 4.554 morreram em decorrência da doença.

Leia mais:
Sergipe acumula 211.868 casos de covid-19 e 4.554 mortes



Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Leia os termos de uso


Ao clicar no botão “Aceitar” ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.