Coronavírus


Governo de Sergipe estuda medidas para conter variante britânica do coronavírus encontrada na Bahia


Publicado 19 de fevereiro de 2021 às 09:41     Por Fernanda Souto     Foto Peu Moraes/ AjuNews

O governo de Sergipe afirmou que está estudando medidas para tentar conter a disseminação da variante britânica do coronavírus, encontrada na Bahia, nomeada como B.1.1.7, na noite desta quinta-feira (18).

Segundo a Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab), o caso da variante britânica foi confirmado após o sequenciamento genético da amostra de um homem, 62 anos, em Salvador, sem histórico de viagem ao exterior.

O Laboratório Central de Sergipe (Lacen) tem feito uma vigilância laboratorial para detectar, no estado, a presença e circulação de três variantes do novo coronavírus de interesse mundial, a de origem brasileira, a britânica e a 501.V2, da África do Sul. Elas têm a capacidade de se espalhar com mais facilidade do que outras versões do vírus.

A vigilância laboratorial mostra que nenhuma das três linhagens foi identificada em Sergipe, mas revelou que no estado circulam oito linhagens diferentes do novo coronavírus.



Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Leia os termos de uso


Publicidade
Justiça

Justiça nega recurso de Danielle em ação por danos morais de Edvaldo

Justiça
Mais Lidas


Ao clicar no botão “Aceitar” ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.