Política


STF autoriza buscas da Polícia Federal em inquérito que investiga Pazuello sobre crise no Amazonas


Publicado 15 de fevereiro de 2021 às 20:31     Por Larissa Barros     Foto Marcelo Camargo / Agência Brasil

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski, acatou o pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR) e autorizou, nesta segunda-feira (15), que a Polícia Federal (PF) realize buscas no inquérito que investiga suposta omissão do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, na crise sanitária no Amazonas.

Segundo o Uol, entre os pedidos estão a requisição dos e-mails institucionais trocados entre o Ministério da Saúde e a Secretaria de Saúde do Amazonas, depoimentos de representantes da empresa White Martins, responsável pelo fornecimento de cilindros de oxigênio para o estado. Além de analisar os gastos com a compra e distribuição de testes e de medicamentos como a hidroxicloroquina e a cloroquina.

De acordo com a publicação, o ministro também permitiu à PF que o acesso às tratativas sobre o transporte de oxigênio para Manaus, bem como a remoção de pacientes da capital amazonense para hospitais universitários federais administrados pela Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH).

Ainda segundo o site, os investigadores também vão poder identificar e ouvir os desenvolvedores do aplicativo TrateCOV, que atuava na recomendação do tratamento precoce contra a doença, mesmo sem evidências científicas de seus benefícios.



Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Leia os termos de uso


Publicidade
Justiça

PGR entra com ações para barrar reeleições em assembleias legislativas

Justiça
Mais Lidas
Publicidade