Política


Facebook não cumprirá decisão e manterá perfis de apoiadores de Bolsonaro no ar fora do Brasil


Publicado 31 de julho de 2020 às 15:00     Por Roberta Cesar     Foto Reprodução / EBC

O Facebook decidiu que não vai cumprir a determinação do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes, desta quinta-feira (30) e não tirará do ar (no exterior) as contas de apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) que são alvos do inquérito das fake news. A empresa vai recorrer ao STF e, por enquanto, manterá os perfis no ar fora do país. As informações foram publicadas pela Coluna Painel, do jornal Folha de São Paulo.

Em nota, a assessoria de imprensa do Facebook destacou que: “Respeitamos as leis dos países em que atuamos. Estamos recorrendo ao STF contra a decisão de bloqueio global de contas, considerando que a lei brasileira reconhece limites à sua jurisdição e a legitimidade de outras jurisdições”.

Segundo a reportagem, o Facebook pensa que o bloqueio de contas de maneira internacional a partir de uma instância de jurisdição local poderia criar danos ao funcionamento da plataforma.

A empresa avalia que se caso juízes em vários países decidissem pela suspensão de conteúdos internacionalmente por conta de contextos locais, a plataforma iria atuar em um espaço bastante limitado.



Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Leia os termos de uso


Publicidade
Justiça

Mais de 117 mil pessoas que receberam auxílio emergencial de forma indevida já fizeram devolução

Justiça
Mais Lidas
Publicidade