Política


Kitty Lima não descarta possibilidade da oposição ir à Justiça para garantir CPI em Sergipe


Publicado 18 de outubro de 2021 às 16:00     Por Fernanda Souto     Foto Jadilson Simões/ Alese

A deputada estadual e líder da oposição na Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese), Kitty Lima (Cidadania), afirmou ao AjuNews nesta segunda-feira (18), que o bloco oposicionista não descarta a possibilidade de ir à Justiça para instaurar a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da covid-19, no estado.

Segundo a deputada, o grupo da oposição apenas espera a decisão do presidente da Alese, Luciano Bispo (MDB), para o requerimento de Zezinho Guimarães (MDB), que pediu a retirada de sua assinatura do documento protocolado na última quinta-feira (14).

Haviam assinado o requerimento: Kitty lima (Cidadania), Georgeo Passos (Cidadania), Samuel Carvalho (Cidadania), Rodrigo Valadares (PTB), Iran Barbosa (PT), João Marcelo (PTC), Zezinho Guimarães (MDB) e Gilmar Carvalho (PSC).

A bancada do Cidadania na Alese, que faz parte do grupo de oposição, liderada pela deputada Kitty Lima e os deputados Georgeo Passos e Dr. Samuel Carvalho, foi que iniciou em abril deste ano o recolhimento das assinaturas para a instauração da Comissão. Faltava apenas um parlamentar, que pelas contas, quem assinou por último foi o deputado João Marcelo (PTC).

A CPI iria investigar a aplicação de recursos públicos e a gestão da crise pelo Governo do Estado diante da pandemia da covid-19 em Sergipe. Além disso, os valores pagos pelo governo estadual ao Consórcio do Nordeste para aquisição de respiradores que até hoje não foram entregues.

Leia mais:
CPI da Covid Sergipe: Kitty Lima confirma última assinatura para instalação da comissão
Zezinho Guimarães retira assinatura de requerimento para CPI em Sergipe



Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Leia os termos de uso


Ao clicar no botão “Aceitar” ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.