Política


Câmara pode votar projeto que autoriza compra de vacinas por empresas, nesta terça (6)


Publicado 06 de abril de 2021 às 16:20     Por Dhenef Andrade     Foto José Cruz / Agência Brasil

O Projeto de Lei (PL) 948/21 que prevê a flexibilização das regras para a compra de vacinas contra o novo coronavírus (covid-19), autorizando a aquisição das doses por empresas, pode ser votado, nesta terça-feira (6), pela Câmara dos Deputados.

De acordo com o texto proposto, o setor privado poderá comprar os imunizantes e aplicar em seus funcionários, além disso o valor gasto com a vacina poderá ser deduzido integralmente do Imposto de Renda (IR).

No entanto, um substitutivo ao texto, apresentado pela relatora deputada Celina Leão (PP-DF), diz que as empresas, em vez de doar a mesma quantidade de doses aos Sistema Único de Saúde (SUS), conforme determinado pela Lei 14.125/21, poderão optar por usar essas vacinas para imunizar familiares de primeiro grau dos seus empregados e demais colaboradores.

A oposição alega que projeto pode enfraquecer o Plano Nacional de Imunização e regulamentar a prática de ‘fura fila”. Para a relatora, a proposta quer “agilizar a vacinação, não competir com o Ministério da Saúde”.

Leia mais
Rogério Carvalho diz que ‘não é hipócrita e não deixaria de dizer publicamente’ a vontade de ser governador em 2022



Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Leia os termos de uso


Publicidade
Justiça

Rachel Sheherazade pede R$ 19 milhões em indenização trabalhista ao SBT, diz site

Justiça
Mais Lidas
Publicidade