Política


STF adia julgamento de recurso de Flávio Bolsonaro para caso de “rachadinhas”


Publicado 15 de setembro de 2020 às 16:44     Por Fernanda Souto     Foto Tânia Rego/ Agência Brasil

O ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Felix Fischer adiou, nesta terça-feira (15), o julgamento do recurso do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) que pede a paralisação das investigações sobre suposto esquema de “rachadinhas”.

A sessão da 5ª turma do tribunal estava marcada para 14h de hoje. O motivo do adiamento ainda não foi informado e não há data para o caso ser retomado.

O pedido chegou em abril deste ano e já foi negado em duas decisões do relator, uma em abril e outra em maio.

Flávio Bolsonaro é investigado por suspeita de peculato, organização criminosa e lavagem de dinheiro em seu gabinete na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj). O valor estimado nas movimentações do esquema é de cerca de R$ 2,3 milhões.

Leia mais

Defesa de Flávio Bolsonaro pede troca dos promotores no caso das rachadinhas, diz jornal

Em depoimento, Fabrício Queiroz diz que deu ‘satisfação’ a Flávio Bolsonaro sobre ‘rachadinha’



Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Leia os termos de uso


Publicidade
Justiça

Por divulgação de obra no Japãozinho, Justiça determina que Edvaldo exclua vídeo das redes sociais

Justiça
Mais Lidas
Publicidade


Ao clicar no botão “Aceitar” ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.