Política


Facebook anuncia bloqueio de contas bolsonaristas em todo o mundo após determinação do STF


Publicado 01 de agosto de 2020 às 13:19     Por Eduardo Costa     Foto Wilson Dias/Agência Brasil

Após a determinação do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), o Facebook informou neste sábado (1º) que bloqueou contas de bolsonaristas investigados. O ministro determinou o bloqueio no inquérito das fake news (cujo qual é relator), que investiga uma rede de produção de informações falsas e ataques a ministros da Corte.

Moraes ordenou o bloqueio das contas dos investigados não apenas no Brasil, mas também aos que estivessem visíveis no exterior com a alteração da localização. Inicialmente, enquanto o Twitter realizou o bloqueio, o Facebook bloqueou apenas as contas nacionais. Mas com a ampliação da multa e a intimação ao presidente do Facebook no Brasil por parte de Moraes, a empresa acatou a decisão.

Ainda assim, o Facebook anunciou: “A mais recente ordem judicial é extrema, representando riscos à liberdade de expressão fora da jurisdição brasileira e em conflito com leis e jurisdições ao redor do mundo. Devido à ameaça de responsabilização criminal de um funcionário do Facebook Brasil, não tivemos alternativa a não ser cumprir com a ordem de bloqueio global das contas enquanto recorremos ao STF”.

Moraes havia determinado na última sexta-feira (31 de julho) que a suspensão das contas apenas no Brasil seria um descumprimento judicial. De acordo com informações da TV Globo, a ordem está sendo descumprida há oito dias, acumulando R$ 1,92 milhão em multas. A partir da decisão da sexta-feira, a multa aumentaria para R$ 1,2 milhão ao dia, o equivalente a R$ 100 mil para cada uma das 12 contas denunciadas.

A determinação do STF bloqueou perfis de pessoas como Roberto Jefferson (ex-deputado e presidente nacional do PTB), Luciano Hang (empresário), Bernardo Küster, Allan dos Santos (blogueiro) e Sara Giromini. Também no último dia 31, o senador por Sergipe Alessandro Vieira (que é autor da “lei das fake news” no Senado) disse à Folha de São Paulo que “o Facebook tem uma postura claramente omissa, e é intencional, pois ganha muito dinheiro com isso. Quanto menos regulado for, melhor para eles”.

Leia mais:
Após sair do Brasil, investigação crê que Allan dos Santos pode estar no México
Contas de bolsonaristas em redes sociais no exterior são bloqueadas por determinação de Alexandre de Moraes
Perfis com publicações de direita são quatro vezes mais bloqueados que de esquerda no Twitter



Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Leia os termos de uso


Publicidade
Justiça

Mais de 117 mil pessoas que receberam auxílio emergencial de forma indevida já fizeram devolução

Justiça
Mais Lidas
Publicidade